Críticas

Yoshi's Woolly World - O regresso muito aguardado de Yoshi às consolas

23.Jul.2015 12:31

O companheiro de Super Mario estreia-se na Wii U com uma adorável aventura construída com lã e panos.

Inspirado pela qualidade e sucesso de Kirby: Epic Yarn, a Good-Feel repete a fórmula estética e de design para a nova aventura de Yoshi, que marca o regresso às consolas domésticas desde Yoshi’s Story, lançado há quase 18 anos. Os cenários e personagens de Yoshi’s Woolly World foram totalmente construídos com materiais típicos de uma caixa de costura: lãs, remendos, panos e outros elementos que dão um ar mais ternurento a este divertido jogo de plataformas.

O novo título lançado na Wii U apresenta todos os ingredientes familiares da série, incluindo a estrutura típica dos jogos de plataformas 2D da Nintendo, como Super Mario Bros. ou Kirby's Adventure. O jogo suporta multijogador cooperativo na mesma consola, caso tenham um familiar ou amigo por perto, abrindo um leque de habilidades especiais que permitem aceder a locais inacessíveis a solo no nível.

A aventura apresenta uma narrativa simples, dando contexto ao aspeto estético do grafismo. O malvado feiticeiro Kamek transformou os Yoshis de lã em novelos, raptando-os e espalhando-os pelo mundo. Apenas escaparam dois Yoshis, que partem numa aventura para salvar os seus amigos. 

Woolly World divide-se em diferentes mundos temáticos, cada um com vários níveis. Embora o objetivo seja percorrer o cenário, numa perspetiva de scroll lateral 2D, para encontrar a meta, existem diversos itens para recolher para completar o nível a 100%. Como seria de esperar, contem com inúmeros locais secretos, puzzles para resolver, entre outros desafios que testam a perícia e os reflexos dos jogadores. Claro que na sua essência o jogo é bastante acessível, cativando os mais novos, mas tal como é habitual nas produções do género, existe sempre uma camada mais desafiante para os jogadores mais velhos joguem cooperativamente com a família.

Quem já jogou anteriores aventuras de Yoshi irá reconhecer de imediato a jogabilidade. O simpático dinossauro pode engolir os inimigos, mas invés de os transformar em ovos, ficam enrolados em novelos de lã. Estes podem depois ser arremessados, seja para atingir inimigos como ativar mecanismos à distância e até recolher itens. Cooperativamente podem usar a mesma mecânica para arremessar o companheiro para locais inacessíveis.

O design dos níveis é excelente, proporcionando aos jogadores uma longevidade interessante, sobretudo ao incentivar a repetir os cenários para melhores prestações. Ao longo da aventura irão encontrar diferentes bosses, que embora tenham pontos fracos, são no geral muito fáceis de ultrapassar. Para os mais novos, que eventualmente tenham dificuldade em superar certos desafios, podem ativar o modo Mellow, que basicamente confere às personagens asas para voar, passando o nível sem ter a preocupação dos saltos milimétricos.

No lançamento de Woolly World, os fãs dos bonecos Amiibo tiveram acesso a figuras em lã de Yoshi. Usados no jogo ativam um clone da personagem para que possam executar ações a solo, semelhantes ao ambiente cooperativo.

Para quem gosta do género de plataformas 2D, e sobretudo os fãs de Yoshi, a nova aventura é muito boa. Ainda assim, deveria ter arriscado mais na fórmula habitual, limitando-se a apresentar algo demasiado familiar e conservador. Mas repetimos: a direção artística inspirada nos elementos de lã é deliciosa!

Por: Rui Parreira

Conteúdo: BGamer

Yoshi's Woolly World

Lançamento: 26 de Junho de 2015

Pontuação GameOver

Geral 84
Gráficos
 85
Som
 80
Jogabilidade
 88
Longevidade
 86

Pontuação Utilizadores

92
10 votos
*A pontuação geral não é a média das restantes.

Relacionados

Vídeos

play

Yoshi's Woolly World - Trailer E3 2014 (Wii U)

11.Jun.2014

Duração: 00:02:07

Sugerimos também

Comentários