Notícias

PlayStation vai editar jogo português

18.Dez.2015 13:27

Os 20 projetos portugueses finalistas dos Prémios PlayStation foram mostrados ao júri da Sony e imprensa.


Strikers Edge

Já nos cruzámos diversas vezes com esta proposta da dupla de jovens produtores da Fun Punch. Uma pequena arena de combate, que ocupa apenas o ecrã da televisão, é o palco de combates mortíferos e viscerais. Mas há um problema: o cenário está dividido ao meio por uma ravina ou um riacho, significando que ambos só podem atacar através do arremesso de projéteis. Cada personagem tem uma arma diferente e uma habilidade única que pode ativar em momentos de maior desespero. 

Podia ser um banal simulador de “pedradas” não fossem os controlos estarem tão bem afinados, seja a inércia com que disparam as lanças, escudos, etc., como a capacidade de defender no timing correto ou rebolar para fora de perigo. Quando o projétil faz razia ao adversário, a ação entra em câmara lenta, ao estilo de Matrix, deixando a plateia em êxtase. Existem planos para expandir o jogo, nomeadamente a inclusão de novas arenas de combate, lutadores, suporte online, partidas 2x2, power ups, armas e banners.

Melhor arte

Grimlight

Parece um pouco injusto avaliar esta categoria quando a maioria dos projetos ainda estão em conceção, mas alguns conseguem já oferecer um feeling do que nos espera e nesse caso, Grimlight é um deles. Trata-se de um survival horror, com forte incidência no terror psicológico, que explora o modelo dos cinco estágios de luto. Pela explicação do contexto, este título que se baseia em jogos como Alone in the Dark, terá sempre o mesmo cenário de ação. É uma espécie de pesadelo onde a personagem está trancada, num loop constante: sempre que morre repete tudo, mas com diferentes variações. Lembrou-nos filmes como O Dia da Marmota e o No Limite do Amanhã. Com um travo a cel shading, os cenários parecem-nos negros, mas agradáveis pela pequena amostra.

Melhor Utilização das Plataformas PlayStation

COSMONAUT

Esta proposta da Ground Control Studios não é nova e já está num estado avançado de produção. Mas não deixa de ser surpreendente este jogo destinado aos dispositivos de realidade virtual. Embora tenha sido mostrado com o Oculus Rift, a equipa garantiu a facilidade de adaptação a outros dispositivos VR, como o da PlayStation. Segundo o estúdio, estamos perante um Space Survival Simulator, fazendo referências a filmes como Gravity, Moon e The Martian.

O jogador assume o papel de um astronauta perdido no espaço, que terá de encontrar ferramentas, oxigénio, energia, entre outros itens para sobreviver. De notar que controlam a personagem de uma perspetiva na primeira pessoa e que passarão grande parte da aventura em ambiente de gravidade zero. Se tudo correr como planeado, esta pode ser uma experiência válida para a PlayStation VR, pois para já os visuais são muito bons e a componente sonora é arrepiante.

Ver página seguinte »

Relacionados

Sugerimos também

Comentários