Notícias

O iPhone podia-se ter chamado… iPad

06.Mar.2013 11:55

Executivos da Apple revelam algumas curiosidades sobre a história do iPhone.

Hoje em dia, provavelmente associamos de forma clara a letra “i” aos diversos dispositivos e sistemas da Apple, desde o iPhone até ao iPod. Mas no entanto, esta linha contínua podia nunca ter existido, caso os nomes originais de alguns destes dispositivos tivessem permanecido, segundo um artigo do site arstechnica.

Quem conta a história é Ken Segall, o ex-diretor criativo da Apple. Já no seu livro Insanely Simple lançado no ano passado, Segall havia revelado o desejo original de Steve Jobs chamar ao iMac "The MacMan", sendo que no seu lançamento, o conhecido ícone da Apple pretendia aparecer vestido de Willy Wonka (do filme Charlie e a Fábrica de Chocolate).

Agora, Segall veio a público com ainda mais curiosidades sobre o percurso da Apple. Durante uma palestra na University of Arizona, o ex-diretor criativo da Apple afirma que Jobs considerou vários outros nomes para o iPhone, que incluíam algumas surpresas como: "Telepod", "Mobi", "Tripod" e até… iPad.

Scott Buscemi, ligado à companhia, esteve também na conferência e aproveitou para explicar os curiosos nomes. "Telepod" porque a palavra misturava telephone com pod, "Mobi" era simplesmente um encurtar de Mobile, e "Tripod" porque combinava telemóvel com iPod e internet.

Mas provavelmente o nome para iPhone mais curioso seja iPad, e embora não haja uma explicação clara para o facto, é possível que tal tenha acontecido porque a Apple parece ter começado a trabalhar primeiro no tablet e tenha decidido depois transpor o nome para o outro dispositivo.

Alguma vez imaginaram o que esteve por detrás da nomeação do iPhone?

Conteúdo: BGamer

Relacionados

Sugerimos também

Comentários