Notícias

Conheçam a nova consola que só funciona com cartuchos

22.Mai.2015 11:11

Retro promete ser a primeira consola em duas décadas a produzir novos jogos apenas para cartuchos

Sempre acreditaram que os cartuchos iriam um dia regressar às consolas domésticas? Então temos boas notícias para vocês: está a ser desenvolvida uma nova consola que promete regressar aos tempos dos cartuchos e produzir novos jogos para o formato esquecido. O projeto, que está a ser liderado pelo responsável pela Retro Magazine, Mike Kennedy, quer destacar-se no mercado e oferecer aos jogadores uma verdadeira alternativa às plataformas atuais.

A consola, intitulada Retro, procura desenvolver novos jogos exclusivos e produzidos em cartuchos. Ao contrário da Retron 5, que consegue ler cartuchos de várias consolas, a Retro quer oferecer uma nova experiência aos jogadores e desenvolver jogos que não possam encontrar noutras plataformas.

Em entrevista com o Venture Beat, Kennedy, que está a preparar uma campanha de Kickstarter para financiar o desenvolvimento da consola, falou sobre a Retro: "O que eu queria fazer há uns anos atrás era criar uma consola que só conseguisse funcionar com cartuchos. É uma tecnologia sólida, certo? Um sistema de cartuchos, como a Atari. Ainda conseguem encontrar Ataris e cartuchos nas lojas de segunda mão depois de 30 anos, e ainda funcionam. Para mim, é a melhor tecnologia disponível e tem uma grande longevidade. Muitos de nós cresceram com ela."

Kennedy quer construir uma consola que consiga ter os seus próprios exclusivos e que seja capaz de correr reedições de alguns dos melhores clássicos da indústria. "Estamos a tentar falar com as maiores editoras para conseguirmos alguns clássicos, e até novas sequelas. Estou aqui em San Francisco para me encontrar com uma produtora que colaborou imenso com a Sony, Capcom, Konami e SEGA. Vamos formar uma parceira com a produtora para conseguirmos chegar às grandes companhias e comercializar jogos que estão desaparecidos há muitos anos."

Kennedy acredita que a Retro poderá ser o epicentro para novos jogos e para os clássicos esquecidos; uma plataforma totalmente dedicada à preservação da história dos videojogos e à recriação de um conceito já esquecido. A aposta na criação de exclusivos é muito interessante e poderá ser uma excelente plataforma para as produtoras indie apoiarem.

A Retro já está a ser desenvolvida e vai ter direito a uma campanha de Kickstarter durante o verão. O molde da Atari Jaguar foi a base para criar o design da nova consola, e esperemos que seja a única influencia da consola da Atari.

Conteúdo: BGamer

Relacionados

Sugerimos também

Comentários